CiViA participa de diálogos setoriais junto a atores-chave da ACV no Brasil e no mundo

Encontro em Brasília reúne representantes de importantes organizações atuantes no tema de ACV no Brasil e no mundo - entre elas, a iniciativa do GVces Ciclo de Vida Aplicado (CiViA) 23/03/2016
COMPARTILHE

(Por GVces)

No último dia 17 aconteceu em Brasilía o encontro Diálogos Setoriais Brasil e União Europeia : desafios e soluções para o fortalecimento da ACV no Brasil, como parte das atividades da Semana Internacional de ACV, organizada conjuntamente pela União Europeia, IBICT (Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia), Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) e Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). O evento contou com representantes de importantes organizações atuantes no tema da ACV no Brasil e no mundo, entre academia, empresas, órgãos governamentais e organismos multilaterais como o PNUMA e a LCI (Life Cycle Initiative).

A iniciativa CiViA – Ciclo de Vida Aplicado, que trabalha na aplicação do pensamento de ciclo de vida e incorporação desta ferramenta no contexto empresarial, estava representada no evento pela sua coordenadora, Beatriz Kiss: “O fato do Brasil sediar um evento internacional sobre ACV já demonstra quanto o tema tem ganhado importância no país. Porém, ainda é preciso ampliar a disseminação de métodos, estudos e experiências empresariais no tema, para que este se torne prática comum e parte da gestão empresarial”.

Durante a Semana Internacional também foram lançados dois produtos que terão influência direta na expansão do tema e na qualidade de estudos de ACV a serem desenvolvidos no futuro breve:

  • SICV - Sistema de Inventário do Ciclo de Vida do Brasil
  • LALCA – Revista Latino Americana em Avaliação de Ciclo de Vida

Tanto o SICV quanto a LALCA estão abertos para receber contribuições de dados de inventários de ciclo de vida e artigos, respectivamente. Ambos fazem parte do Programa Brasileiro de Avaliação de Ciclo de Vida (PBACV), coordenado pelo IBICT.

Assim como já é realidade na Europa, o uso da avaliação de ciclo de vida como critério de compras institucionais e nos processos decisórios em diversas instâncias, tanto públicas quanto privadas, pode se tornar prática comum também no Brasil, no futuro próximo. 

Saiba mais em: http://acv.ibict.br/comunicacao/noticias/46-em-semana-tematica-brasil-sedia-forum-internacional-de-avaliacao-do-ciclo-de-vida/